Procuração

Procuração é o ato pelo qual alguém atribui a outrem, voluntariamente, poderes de representação.

As procurações que exijam intervenção notarial devem ser feitas de uma das seguintes formas: 

1. Por instrumento Público (feito no Consulado).

2. Por documento escrito e assinado pelo representado (com reconhecimento presencial de letra e assinatura).

3. Por documento assinado pelo representado (com reconhecimento de assinatura).

IMPORTANTE: as procurações que confiram poderes gerais de administração civil ou de gerência comercial; para contrair obrigações cambiais; para fins que envolvam confissão, desistência ou transação em pleitos judiciais, ou a representação em atos que devam realizar-se por escritura pública ou outro modo autêntico, devem ser feitas por uma das formas indicadas em 1 ou 2. Para esse efeito, torna-se necessário a presença do interessado no Posto Consular.

Documentos a apresentar

– Cartão de Cidadão, Bilhete de Identidade/Passaporte.
– Minuta da procuração (se a tiver).

NOTA: é aconselhável a marcação prévia junto do posto consular da sua área de residência, o que poderá fazer através do telefone.