Património Documental da Humanidade

Em 1992 a UNESCO cria um programa para salvaguarda do património documental da humanidade, denominado Registo da Memória do Mundo. Deste património fazem parte a Carta de Pero Vaz de Caminha, o Tratado de Tordesilhas e o Corpo Cronológico.

Carta de Pero Vaz de Caminha

carta de pero vaz de caminha

A Carta de Pero Vaz de Caminha é uma carta dirigida ao Rei D. Manuel I, na qual o escrivão da frota de Pedro Álvares Cabral narra as suas impressões sobre a área que posteriormente viria a ser chamada de Brasil. É o primeiro documento escrito da história brasileira e, por isso, considerado o marco inicial da obra literária no Brasil. Este documento foi conservado inédito por dois séculos nos arquivos da Torre do Tombo, em Lisboa, onde em 1773 foi descoberto.

 

 

 

 

Tratado de Tordesilhas – 1494

tratado de tordesilhas

O Tratado de Tordesilhas, assinado em 1494 entre as coroas de Portugal e de Castela, definia a partilha do Novo Mundo entre os dois reinos. O original português encontra-se no Arquivo Geral das Índias, em Sevilha, estando o castelhano na Torre do Tombo.

 

 

 

 

 

 

O Corpo Cronológico é uma coleção que reúne mais de 80 mil documentos em papel e pergaminho datados dos séculos XV e XVI, existente na Torre do Tombo, em Lisboa.

Arquivos dos Dembos (2011). Manuscritos datados de finais do séc. XVII até meados do séc. XX, entre autoridades africanas da região dos Dembos, no Norte de Angola, e autoridades coloniais portuguesas em Angola.

Primeiro Voo através do Atlântico do Sul,  em 1922 (2011). Os relatórios redigidos por Gago Coutinho e Sacadura Cabral sobre a primeira travessia aérea do Atlântico Sul.