A Embaixada de Portugal expressa o mais sentido pesar a todas as vítimas dos sismos que abalaram a ilha de Kyushu nos últimos dias. Toda a comunidade Portuguesa se sentiu consternada com as recentes notícias de destruição numa região especialmente amiga de Portugal, como Kumamoto e a Oita, e onde os laços culturais e históricos entre os nossos dois povos são tão intensos. A Embaixada manifesta igualmente a sua profunda solidariedade a toda a população japonesa e às suas instituições, na certeza de que a forte resiliência, sentido do bem-comum e extraordinária capacidade de organização, de que o Japão sempre deu mostras ao longo da sua história, lhe permitirão superar, uma vez mais, este delicado e triste momento.